NOTÍCIAS 2021

Unidade da Comissão Nacional de Energia Nuclear realiza evento para prestar esclarecimentos e promover aproximação com representantes do executivo do município de Caldas.

 

No último dia 17 de novembro, o Laboratório de Poços de Caldas (LAPOC) da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) recebeu uma comitiva formada por representantes do Poder Executivo da cidade mineira de Caldas, liderada pelo Prefeito Ailton Goulart. Também participaram do evento representantes das Indústrias Nucleares do Brasil (INB). Os visitantes foram recebidos pelo Coordenador Geral de Reatores e Ciclo do Combustível da CNEN, Jefferson Araújo, e pelo Coordenador do LAPOC, Antonio Luiz Quinelato.

 

 

Participantes do encontro realizado no dia 17 de novembro de 2021 no Laboratório de Poços de Caldas (LAPOC) da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN).

A visita foi inicialmente motivada pelas demandas de que seja estabelecido um canal de comunicação entre a sociedade local, a CNEN e a INB, em virtude das discussões que vêm acontecendo em torno de uma eventual movimentação de material nuclear (torta II) de São Paulo (Interlagos) para Caldas (MG). A reunião realizada no LAPOC foi precedida de uma visita à Unidade em Descomissionamento de Caldas (UDC) da INB no dia anterior, 16 de novembro. Nesses encontros, os representantes da CNEN e da INB realizaram apresentações de natureza técnica e visitas, quando foram respondidas todas as dúvidas relacionadas à unidade da INB e ao trabalho de fiscalização da CNEN.

Ailton Goulart, prefeito de Caldas, destacou a aproximação com os órgãos técnicos da área nuclear. “Fomos bem recebidos em ambos os lugares (LAPOC/CNEN e INB) e posso dizer à nossa população que estou bem mais tranquilo”.

O prefeito também salientou o fato de a CNEN ter entregado a ele “um relatório inédito que certifica a qualidade de nossas águas, o que me deixa bem tranquilo em relação a isso”, assim como a presença frequente da inspeção residente do LAPOC/CNEN nas instalações da INB, “a CNEN estar toda semana dentro da unidade da INB em Caldas é motivo de muita alegria para nós”.

O representante do município de Caldas também demonstrou maior tranquilidade em relação à suposta movimentação de materiais radioativos, “ouvi também aqui que para que um dia esse rejeito venha para Caldas, é necessário que o descomissionamento caminhe muito para que isso aconteça e de fato não tem dentro da CNEN hoje nenhum tipo protocolo pedindo a saída dessa Torta II de SP, Interlagos, para a unidade do município de Caldas, então estou muito aliviado com tudo isso”.

Da esquerda para a direita, Antonio Luiz Quinelato (Coordenador do LAPOC/CNEN), Ailton Goulart (Prefeito de Caldas, MG) e Rogério Mendes Carvalho (Diretor de Recursos Minerais da INB).

O dirigente do LAPOC/CNEN, Antonio Luiz Quinelato, afirmou que o evento foi positivo para a comunicação entre os entes. Além disso, demonstrou a importância do “trabalho que desenvolvemos com uma instalação que causa muita preocupação aqui na região, que é a INB”, além de ter reforçado que “realizamos inspeções semanais na instalação para verificar as questões de segurança”. Para o representante da INB, o Diretor de Recursos Minerais Rogério Mendes Carvalho, “tudo tem que ser feito com o máximo de transparência, com o máximo de troca de ideias. É a parceria que traz o resultado e é isso que estamos desenvolvendo aqui na região”.