SEÇÃO TÉCNICA > SETORES > SETOR GEOAMBIENTAL

SEÇÃO TÉCNICA - Setor Geoambiental

Descritivo do Setor

O Setor Geoambiental desenvolve atividades e projetos utilizando ferramentas experimentais e simulações computacionais visando o entendimento dos mecanismos físico-químicos e biogeoquímicos que controlam o movimento de espécies químicas estáveis e radioativas. Essas atividades e projetos têm como objetivo o desenvolvimento de técnicas e procedimentos que possam auxiliar as atividades de licenciamento, fiscalização e descomissionamento de instalações nucleares e radiativas, bem como auxiliar no controle das instalações mínero-industriais que processam materiais contendo urânio e tório associados.

Missão

Gerar conhecimento e informações que permitam o diagnóstico geoambiental de instalações de mineração, incluindo a UTM-INB Caldas, instalações mínero-industriais que processam minérios com urânio e tório associados e o próprio LAPOC. Realizar estudos ambientais e radiométricos no Planalto de Poços de Caldas. E ainda atuar como representação do Brasil em projetos e missões da AIEA quando solicitado e como representante da CNEN na comunidade local caso haja demanda.

Visão

Ser reconhecido como referência em estudos geoambientais, realizando todas as etapas que permitam a avaliação de impacto ambiental de instalações nucleares de mineração, de instalações mínero-industriais que processam minérios com radionuclídeos associados e de unidades da CNEN. Além disso, atuar como especialistas para contribuir internacionalmente nesta linha de trabalho.

Projetos e Atividades

PROJETO: Estudo, mitigação e controle de impacto radiológico ambiental na área de influência do LAPOC

O projeto consiste em realizar estudos de caracterização ambiental do entorno das instalações, tais como recursos hídricos, geológicos, topográficos e geomorfológicos, bem como o levantamento dos principais efluentes e resíduos gerados pelas atividades desenvolvidas no LAPOC. Serão avaliadas medidas de controle de possíveis impactos ambientais causados pelas atividades, que servirão de subsídio para a elaboração de um Plano de Monitoramento Radiológico Ambiental.

PROJETO: Projeto BRA 9057 (DRS/CGCN)

O projeto visa aumentar a segurança das instalações do Ciclo do Combustível Nuclear por meio do fortalecimento do sistema regulatório nacional, de acordo com o Plano de Desenvolvimento Nacional, através do desenvolvimento, revisão e atualização de normas de segurança, visando melhorar as parcerias e ampliar o envolvimento do público.

PROJETO: Projeto CIDER da AIEA

O projeto consiste em estabelecer cooperação entre os Estados Membros da AIEA com organizações internacionais de modo a elevar os níveis de performance de projetos de descomissionamento e remediação ambiental de  instalações nucleares.

PROJETO: Estudo hidroquímico das águas sob influência da drenagem ácida da UTM INB

O projeto consiste em gerar informações a respeito das características hidroquímicas das águas subterrâneas, caracterizar o fluxo hidrogeológico e possíveis conexões entre os aquíferos. Para isto serão utilizadas técnicas de hidroquímica e fracionamento isotópico nas águas subterrâneas. O conhecimento científico adquirido com este projeto irá contribuir com o processo de descomissionamento da primeira  mineração de concentrado de urânio do Brasil. Este projeto contempla atividades do Projeto Queensland, que consiste no estudo da dinâmica das águas subterrâneas da pilha de estéril do bota fora 4, inserido na área da UTM/INB.

PROJETO: Desenvolvimento científico e tecnológico em remediação de áreas degradadas de mineração de urânio

O projeto consiste em realizar modelagem de radioproteção ambiental, por meio de ferramentas computacionais, em um estudo de caso na área da UTM/INB-Caldas. Os modelos gerados poderão ser utilizados futuramente como ferramentas de apoio à tomada de decisão sobre riscos, remediação e reuso de áreas degradadas.

SEÇÃO TÉCNICA

SEÇÃO ADMINISTRATIVA

CENTRAIS DE CONTEÚDO

LAPOC